UMA RAZÃO PARA ESCREVER

UMA RAZÃO PARA ESCREVER

Alguém disse: “o que motiva os escritores, ou poetas a escrever é tão variável quanto os assuntos que escolhem, e nem todos se preocupam em criar obras de arte. Alguns apenas escrevem para ganhar dinheiro.”

Anthony Trollope dizia que um escritor era como um sapateiro: “o seu objectivo primordial é viver.” Trollope declarou uma vez que queria primar “na quantidade, se não na qualidade” e, habitualmente, escrevia 3.000 palavras antes do pequeno-almoço. Entre 1860 e fins de 70, esta tarefa rendeu-lhe mais de 230.000 dólares (cerca de 115.000 Euros actuais) por ano, mas isso não lhe impediu de recorrer à família e aos seus editores por causa de mesquinhos problemas financeiros.

O meu colega, Rev. Adérito brincava sempre, quando alguém mostrava algum talento em fazer alguma coisa – ele dizia em crioulo: “rapaz, bu ta kumé bu katxupa, si bu kontinua” que traduzido significa, ‘rapaz, ganharás o teu pão se continuares’ usando este teu talento.

Dentro da óptica do meu colega Rev. Adérito, se escrever fosse o meu ganha pão, eu morreria certamente de fome. Ainda bem que Deus dá as pessoas da Sua Igreja talentos como os dos nossos queridos irmaos Rev. António Barbosa, Rev. Gilberto Évora, Dr. Eugénio Duarte, Rev. António Nobre Leite, Rev. Eudo Tavares, Dr. Jorge Barros, Dr. Valvassora, Dra. Odete Pinheiro,  Rev. Jose Heleno, Dr. João Gomes e tantos outros que se têem revelado nos blogs que temos vindo a ler.

Em I Coríntios 12: 7-11 lemos: “A manisfestação do Espírito é dado a cada um para o que for útil, a um pelo Espírito é dada a palavra da sabedoria, a outro, pelo mesmo Espírito, a palavra da ciência, a outro, pelo mesmo Espírito, a fé, a outro, pelo mesmo Espírito dons de cura; a outro, a operação de milagres; a outro, profecia; a outro, discernimento de espíritos; a outro variedades de línguas, e a outro, interpretação de línguas. Mas um só e o mesmo Espírito opera todas estas coisas, distribuindo particularmente a cada um como quer.”

Escrever, definitivamente não é o meu talento, porém o meu desejo de partilhar com os outros aquilo que pela misericórdia de Deus vou aprendendo, é sem dúvida, o motivo que levou-me a criar o meu blog, publicando alguns trabalhos de investigações e escrever alguns artigos na esperança de poder ajudar o meu semelhante.

Ao ler este artigo espero que sejas desafiado a escrever, usando o talendo que Deus te deu e abençoando a mim e a tantos outros que terão certamente, muito gosto em ler os teus artigos.

Deus te abençoe!

Um abraço amigo daqui de Manchester –  Danilo Carvalho 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: